bicicletada curitiba, fotos, imagens

Havia um certo cheiro de malva pairando no ar…

mudas de malva e flores foram distribuídas, aumentando ainda mais o encantamento da Bicicletada, pessoas felizes pedalando por uma causa digna.

perfume de flores e malva
perfume de flores e malva

bicicletada002

bicicletada0032
Invasão das bicicletas!!
bicicletada004
A rua é de todos!!
bicicletada005
sou sua amiga bicicleta... trrimm trrimm

No final da Bicicletada, no gramado atrás do Museu do Olho, todos cansados porém satisfeitos.

Cada um foi almoçar em um lugar, eu fui com uma galera no Govardhana, o almoço estava uma delícia, muitos sabores e cores numa refeiçao leve e saborosa, e pessoas maravilhosas.

Cuidado!! Humanos com idéias subversivas.
Cuidado!! Humanos com idéias subversivas.
Almoço vegetariano no Govardhana.
Almoço vegetariano no Govardhana.

Foi muito bacana, estabeleci vínculos de amizade com o pessoal da Comunidade Vegetariana de Curitiba (orkut), pessoas muito legais, encantadoras e de um alto astral maravilhoso.

Raquel, Mariana, Isac e Gabriel.
Bem na foto: Raquel, Mariana, Isac e Gabriel.

Mais uma vez valeu a pena, foi tudo muito agradável e mágico.

O único porém, que me deixou triste, foi saber que roubaram a bicicleta de uma colega, dentro do pátio da reitoria, lamentável mesmo.

No mais, tudo beleza.

Namastê.

Ohm shanti.

bicicletada, bicicletada curitiba, dia mundial sem carro, mobilidade urbana, vídeos

Dia Mundial Sem Carro – vídeo de André Garcia

Um pouquinho atrasado, mas ta valendo, esse eh o video do Dia Mundial Sem Carro 2008, produzido pelo meu xará, André Garcia, cicloativista sangue bom.
Parabéns xará, ficou maneiro o vídeo.

Parte 1

Parte 2

bicicletada curitiba, fotos, imagens

Invasão das Bicicletas.

Bicicletada Setembro.

Olá amigos da Bicicleta, quem foi ontem na Bicicletada com certeza não se arrependeu, pois tava o maior astral, já no início rolou uma blueseira com o Plá & Cia.
Teve até um ciclo-carro no meio da massa, rolaram altas pinturas de ciclofaixas pirata nas ruas, e sem contar que no final tivemos a recepção da banda da Polícia Militar no museu do MON, devido a inauguração do bicicletário. Ah, tivemos também a presença do nosso amigo ET. Enfim, um sucesso. 🙂

Blues da Invasão das Bicicletas
Blues da Invasão das Bicicletas
Um carro no participando da Bicicletada???
Um carro participando da Bicicletada???
Quero respirar! Desligue o seu carro!!!
Quero respirar! Desligue o seu carro!!!
Ciclofaixas Pirata.
Ciclofaixas Pirata.
Só faltou a banda tocar o hino da bicicletada.
Só faltou a banda tocar o hino da bicicletada.
Os ciclistas deixam sua marca na inauguração do bicicletário.
Os ciclistas deixam sua marca na inauguração do bicicletário.

Bicicletário no museu do MON.
Bicicletário no museu do MON.
- ET go home!!
- ET go home!!


BICICLETADA, BICICLETADA!!!
Mais fotos da Bicicletada:

Álbum de André Luiz de Almeida

Álbum da Bicicletada

Galeria de Buddy Undead

Galeria de Elisandro Dalcin

Menos carros, mais bicicletas!!!
That’s all folks!!

* se alguém ae tiver fotos para disponibilizar, coloque o link nos comentários, que em seguida eu posto aqui.

bicicletada curitiba, cicloativismo, dia mundial sem carro, fotos, imagens, pedalada pelada, world naked bike ride (WNBR)

Dia Mundial Sem Carro em Curitiba

A pedalada do dia mundial sem carro em Curitiba foi um sucesso, com mais de 300 participantes e muita animação. O grande destaque por parte da mídia foi os corajosos manifestantes que se despiram como forma de protesto ao caos urbano em que vivemos hoje em dia, pois nús é como nos sentimos ao andar de bicicleta pelas ruas, com a total falta de infraestrutura, a agressão do trânsito e a falta de educação e respeito de alguns motoristas.

Charge de Tiago Recchia
Charge de Tiago Recchia
Foto Lineu Filho - no Jornale - Blog do Beto
Foto Lineu Filho - no Jornale - Blog do Beto
Fotos do Goura Nataraj
Fotos do Goura Nataraj


Mais fotos, vídeos, artigos e entrevistas:

Bicicletada Curitiba

Gazeta do Povo

Fotos no blog do Zé Beto

Entrevista com o Gunnar Thiesen, na CBN

Fotos no Arte Bicicleta Mobilidade

Charge do Thago Recchia, na Gazeta do Povo

Mais núticias na Gazeta

Jacus de 2 rodas

Pedaleiro

Mais uma no Blog do Zé Beto

Despedida? Que absurdo!

Alguns “artistas” que querem usar a BICICLETADA para auto-promoção.

bicicletada curitiba, fotos, imagens

Bicicletada Curitiba Agosto 2008

Não polua, pegue a bike e vem pra rua. Menos gasolina, mais adrenalina. Menos shoppings, mais parques e bosques. Mais ciclovias, ciclofaixas. Menos congestionamentos, menos stress. Mais respeito e educação, mais saúde e alegria. Menos violência. Mais paz e amor. Menos máquinas, mais humanidade.

“… você pode me chamar de sonhador, mas eu não sou o único, talvez um dia você se junte a nós, e o mundo será um só…” – John Lennon

->

Mais fotos da bicicletada de agosto 2008:

http://picasaweb.google.com.br/andreluiz.sunshine/BicicletadaCWB30Agosto2008

http://www.flickr.com/photos/23934483@N07/2811919065/in/photostream/

http://www.flickr.com/photos/gouranataraj/2811424323/

http://www.flickr.com/photos/23934483@N07/

artigos, ativismo, bicicletada curitiba, mobilidade urbana, notícias, textos

Underground

Salta aos olhos no debate sobre trânsito e transporte coletivo na capital a falta de programas envolvendo as universidades. É responsabilidade dos centros de ensino formar gente menos tacanha no uso do transporte. Mas, ao contrário, é delas que brotam 23 mil carros por dia, emitindo mensalmente 200 toneladas de dióxido de carbono (CO2) e 60 toneladas de monóxido de carbono (CO) – de acordo com estudos realizados por mestrandos de Gestão Urbana da PUCPR, sob a orientação do arquiteto e urbanista Fábio Duarte.

É da Curitiba mais underground que têm brotado as melhores propostas para o saneamento do trânsito. O coletivo de artistas, esportistas e pensadores Interlux é o caso. Hoje, o grupo é um dos mentores da Bicicletada, movimento que já promoveu o Desafio Intermodal – atestando a agilidade da energia limpa chamada bicicleta – e 12 “passeatas” pela cidade. Os jovens participantes – cerca de 150 – chamam o poder público às falas. O que pedem não é a Transamazônica ou uma Rio-Niterói, mas ciclofaixas e ciclovias ligando outras rotas que não os parques. Além de uma cidade mais gentil com seus pedestres.

Fonte do artigo: Gazeta do Povo

arte, bicicletada, bicicletada curitiba, cartazes, cicloativismo, imagens

Sexta tem, e no sábado também.

ARACAJÚ:

http://blogciclourbano.blogspot.com/2008/08/bicicletada-dos-polticos.html


CURITIBA:

http://bicicletadacuritiba.wordpress.com/


GUARAPUAVA:


MACEIÓ:

http://www.bicicletada.org/Macei%C3%B3


MOSSORÓ:

http://www.bicicletada.org/Mossor%C3%B3


RIO DE JANEIRO:


SÃO PAULO:

http://www.bicicletada.org


E também em Belo Horizonte, São Francisco, Roma, Toronto, Nova Iorque, Aveiro, Londres, Auckland, Mumbai, Seoul, Viena, Lisboa

Fonte: http://apocalipsemotorizado.net/

bicicletada, bicicletada curitiba, Meus Textos

Diário de bicicleta

Querido diário… querido não porque isso é coisa de boiola… rs.

Sábado fez um dia lindo, um sol realmente maravilhoso, e não tive outra escolha, peguei minha magrela e saí a pedalar pelas redondezas da city e conhecê-la mais de perto. Resolvi ir até a pastelaria Juvevê, na Av. João Gualberto, comer um daqueles deliciosos pastéis, porém chegando lá, acabei mudando de idéia e comi um kibe cru, acompanhado de uma geladíssima Serra Malte. Assisti um pouco das olimpíadas, e logo em seguida, fui dar uma voltas ali por perto, nos bairros Juvevê/Cabral, e observar as belas ruas tranquilas e arborizadas da região.

Depois de algumas voltas, resolvi parar numa pracinha no Cabral e dar uma descansada.

Após o descanso, continuei a pedalar, fui até o Bosque de Jesus para meditar um pouco, e tomar uma água fresca.

Bosque de Jesus
Bosque de Jesus

Após relaxar a mente, fui para casa  trocar de roupa , e em seguida parti novamente, desta vez fui até o alto da rua Nilo Peçanha, o destino desta vez, era um bar chamado Menina da Colina, que aliás, muito bacana por sinal, não me arrependi de ter ido. Tomei algumas beras por lá, conversei com um pessoal bacana que encontrei, e em seguida saí novamente.

Menina da Colina.
Menina da Colina.
Fabico e sua girlfriend.

Saindo do Menina da Colina, fui na casa de um amigo bater um papo, chegando lá, vi que tava rolando uma reuniãozinha básica, e acabei ficando mais um pouco por lá também.

Após tudo isso, finalmente voltei pra casa, chegando na sweet home, olhei no velocímetro da bike, 40 Km percorridos… nada mal para um sábado.

That’s all folks!!